Skip to content

3 truques para evitar compras no cartão por impulso

Fazer compras no cartão por impulso é mais sério que parece. É fácil ser vítima de compras com cartão de crédito não planejadas. Descubra como quebrar esse hábito. Todos nós desperdiçamos dinheiro com coisas inúteis.

Para alguns de nós, é o café comprado na loja da moda que poderíamos facilmente preparar em casa por poucas moedas ou até centavos. Para outros, são as refeições em restaurantes e passeios solitários ou acompanhados.

Como evitar compras no cartão por impulso ?

Porém, em um estudo recente mostrou que 42% dos entrevistados disseram que seus gastos desnecessários vêm na forma de compras online e pessoalmente por impulso.

3 truques para evitar compras no cartão por impulso

Obviamente, ser vítima de compras não planejadas é comum hoje em dia.

Os profissionais de marketing são hábeis em atrair os consumidores a gastar dinheiro com coisas que nunca pensaram que precisavam, seja executando vendas em intervalos ao longo do ano ou montando displays atraentes que os compradores não podem deixar de notar.

E não são apenas as lojas físicas onde as compras por impulso são um problema. Também é fácil gastar demais ao fazer compras online. Especialmente quando anúncios são exibidos em todo o lugar para informar sobre os novos produtos e serviços mágicos que você deve experimentar.

Embora não seja difícil entender por que tantas pessoas fazem compras por impulso, o fato é que elas são ruins para nossas finanças. Gastar muito dinheiro com compras não planejadas e você pode facilmente acabar com uma carga não saudável de dívidas no cartão de crédito em suas mãos.

A solução? Procure evitar compras por impulso a todo custo. Esses truques ajudarão você a fazer exatamente isso.

1. Compre apenas com dinheiro e não com cartão

Você não pode gastar mais se não tiver o dinheiro disponível para isso. Se você não pode confiar em si mesmo para evitar compras por impulso, faça listas de compras antes de chegar às lojas, calcule quanto custará os itens necessários e traga dinheiro suficiente para cobrir essas compras.

Deixe seus cartões de crédito em casa para não ser tentado a sacá-los por capricho. O mesmo vale para o seu cartão de débito – opte por comprar coisas extras fora da mesa.

2. Não faça compras em shopping e vitrines por diversão

É fácil dizer a si mesmo que você vai passear pela sua loja favorita na hora do almoço para tirar uma folga do escritório ou que você vai entrar em uma loja e navegar para ganhar tempo enquanto espera para encontrar os amigos.

Mas quanto mais você se coloca em um ambiente de compras, maior a probabilidade de gastar demais em algo desnecessário.

Em vez disso, fique fora das lojas, a menos que haja algo específico que você precise comprar e encontre outras maneiras de ocupar seu tempo de inatividade. Caminhe por um parque no seu horário de almoço ou leia um livro enquanto aguarda uma companhia.

Leia também:

3. Empregue a regra das 24 horas para novas compras no cartão

Quando vemos coisas novas que queremos, nossos cérebros emitem sinais de aviso dizendo: “Compre agora, antes que seja tarde demais“. É por isso que compramos coisas que não precisamos.

Mas se você tirar essa urgência da equação, geralmente descobrirá que realmente não quer ou precisa do item em questão. É por isso que a regra das 24 horas é tão útil.

Na próxima vez em que for tentado a fazer uma compra não planejada, force-se a esperar 24 horas antes de concluir. Se, após esse período, você ainda estiver convencido de que deseja ou precisa do item, compre-o (assumindo que pode pagar).

Na maioria das vezes, você perceberá durante essa janela que o item em questão não é tão importante para você.

Quanto menos compras por impulso você fizer, mais fácil será criar ou manter economias e ficar sem dívidas. Se você tem tendência a fazer compras não planejadas, use essas dicas para evitar gastos excessivos.

Pode ser difícil no começo, mas você será mais feliz a longo prazo.

Mais artigos interessantes..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *